A Rússia incrementará suas forças nucleares caso não consiga acordo com a OTAN.


A Rússia terá que desenvolver as suas próprias forças nucleares caso não conseguir um acordo com a OTAN sobre o projeto de criação do sistema europeu de defesa antimíssil.

A Rússia terá que desenvolver as suas próprias forças nucleares caso não conseguir um acordo com a OTAN sobre o projeto de criação do sistema europeu de defesa antimíssil. O ministro da defesa da Rússia

Anatoli Serdiukov fez esta declaração em Bruxelas depois da reunião do conselho Rússia-OTAN. O secretário geral da OTAN.

Anders Fogh Rasmussen disse que a aliança é responsável pela defesa do território dos países-membros desta aliança. Por isso, – afirmou, – Bruxelas não pretende compartilhar a responsabilidade pela defesa dos seus aliados contra a ameaça balística com os países que não fazem parte desta aliança.

Fonte: http://portuguese.ruvr.ru/2011/06/09/51503823/