“A máxima prioridade” do Irã é o desarmamento nuclear.


A “máxima prioridade” do Irã é o desarmamento nuclear, assegurou o presidente da República Islâmica, Hasan Rohani, ao intervir na Assembleia Geral da ONU.

Em seu primeiro e esperado discurso nas Nações Unidas, o mandatário iraniano disse que “a destruição dos arsenais nucleares não deve adiar” continuamente e chamou as potências atômicas a cumprir com seus compromisos.

Neste sentido, Rohani propôs um plano de desarmamento nuclear que prevê uma reunião internacional para declarar o dia 26 de setembro como o Dia do Desarmamento e a convocatória, em cinco anos, de una conferência internacional de alto nível para acompanhar os avanços sobre o tema.

Os EUA e outros países ocidentais suspeitam que o país persa desenvolva armas nucleares sob a cobertura de um projeto civil de energia atômica. Teerã afirma que seu programa está orientado exclusivamente a satisfazer a demanda energética interna. Organismos regionais e internacionais impuseram sanções ao Irã por negar-se a renunciar às obras de enriquecimento de urânio.

Rohani, atual presidente em 4 de agosto, foi o chefe da equipe iraniana que em 2003-2005 negociou com o Ocidente sobre o programa nuclear do Irã.

Fonte: http://sp.rian.ru/international/20130926/158177966.html