Rússia planeja novo submarino nuclear interceptador e assassino de porta-aviões.


Submarino russo classe Borei.

A Rússia vai projetar duas novas classes de submarinos de propulsão nuclear como parte de 20 trilhões de rublos (356.000 milhões de dólares) na campanha de rearmamento do presidente Vladimir Putin até 2020.

Embora os projetos ainda não foram nomeados, um será classificado como um “interceptador submarino” e o outro um “porta-aviões assassino”, o chefe do departamento de ordem de defesa estatal da Corporação de Construção Naval Unida estatal, Anatoly Shlemov, disse ao site web de notícias Lenta.ru.

Após anos de declínio, após o fim da União Soviética, o Ministério da Defesa da Rússia derramou o dinheiro para a construção de uma nova geração de submarinos de propulsão nuclear. Os primeiros novos tipos, classe Borei e Yasen, já entraram em serviço.

Mas os projetos originais das classes Borei e Yasen remontam ao fim da União Soviética e início de 1990, e não tiram proveito das melhorias em tecnologia e fabricação.

O escritório de design Malakhit da Rússia será responsável pelo trabalho inicial sobre os novos submarinos, acrescentou Shlemov.

“O principal objetivo do [interceptor subaquático] é proteger grupos de [submarinos balísticos que transportam mísseis], e lutar com submarinos inimigos”, disse Shlemov.

“O segundo navio vai ser um portador de mísseis de cruzeiro [utilizado] para derrotar alvos costeiros e de superfície”, disse ele, referindo-se à variante do “assassino de aeronaves”.

Os dois novos tipos de submarino nuclear vão ser baseados numa concepção comum, estando a diferença no compartimento de armas do submarino. Isso simplifica a construção das duas classes, baseando-se, tanto quanto possível sobre componentes e design comuns.

Os dois projetos irão substituir os submarinos da era soviética ainda em serviço, como os das classes Oscar II e Sierra, e os submarinos de propulsão nuclear polivalentes da classe Victor, relatado por Lenta.

Os novos submarinos nucleares classe Borei e classe Yasen atualmente em construção vão substituir os partidários soviéticos como os pesados submarinos de lançamento de mísseis nucleares da classe Typhoon e classe Delta IV e os submarinos de ataque rápido da classe Akula e Alfa.


Traduzido para publicação em dinamicaglobal.wordpress.com

Fonte: www.themoscowtimes.com