‘Cuidado com os russos’: piloto dos EUA adverte sobre uso de técnica avançada na Síria.


Informações classificadas em táticas militares e técnicas utilizadas pelos EUA e seus aliados na Síria podem tornar-se disponível para os especialistas russos, diz um piloto da Força Aérea dos EUA.

Segundo acredita o piloto Jahara Matisek em um artigo publicado no site ‘Defense One‘, a implantação dos sistemas de defesa aérea da Rússia na Síria é um desafio para os comandantes militares dos EUA: Tentar esconder a natureza de suas armas mais avançadas e evitar o vazamento de informações das áreas de operações.

O especialista adverte que os dados obtidos por especialistas russos na Síria dar a eles a oportunidade de aumentar o desempenho de seus sistemas de segurança, ou seja, melhorar os algoritmos de rastreamento de aeronaves e tornar os sistemas de defesa aérea mais eficazes.

O piloto acredita que o comando da Força Aérea dos EUA deve parar de usar o F-22 em suas operações militares na Síria. “Se os EUA não tomar precauções e continuar a expor sua técnica e aviônica mais avançada, se arrisca a perder a próxima batalha”, explica Matisek.

Traduzido para publicação em dinamicaglobal.wordpress.com

Fonte: RT.com