Rússia encerra seus ataques contra regiões e formações armadas que aceitam o cessar-fogo na Síria.




COMPARTILHE NA REDE SOCIAL |

O Estado Maior informou que no total 17 formações armadas se dirigiram ao comando da base aérea Hemeimim comprometendo-se a respeitar o cessar-fogo na Síria.

Avião de ataque ao solo SU-25 estacionado na base aérea de Hemeimem na Síria.

A força aérea russa cessou completamente os bombardeios nas regiões onde encontram-se as formações armadas que aceitaram o cessa-fogo na Síria, informa o Ministério de Defesa russo.

No total 17 formações armadas se dirigiram ao comando da base aérea Hemeimem comprometendo-se a respeitar o cessar-fogo na Síria, informaram as autoridades russas de defesa.

Rússia e Estados Unidos realizam um intercâmbio de dados.

Rússia entregou aos EUA uma lista com todas as formações armadas que aceitaram o cesar-fogo (umas 6.000 pessoas) e também uma lista com as 74 zonas nas quais não devem executar-se ataques.

“Foi elaborado um mapa sobre a situação na Síria, especialmente para o intercâmbio de informação com nossos colegas dos EUA e entregamos aos norte-americanos durante as consultas bilaterais de 26 de fevereiro em Aman, assim como pelos canais militares diplomáticos. Estão marcadas as regiões nas quais se executa o trabalho de reconciliação das partes em conflito, as forças do Governo sírio, as áreas curdas, os territórios controlados pelos terroristas do Estado Islâmico, Frente Al Nusra e os que estão sob o controle de grupos armados”, informou Rudskoi.

O tenente acrescentou que a Rússia havia recebido de parte dos colegas norte-americanos um mapa similar e que atualmente está sendo realizada uma comparação entre a informação e os dados dos militares russos. “A lista com os grupos armados, de acordo com a delegação dos EUA, nos foi enviada através dos canais diplomáticos”, disse ele.

Em caso de um incumprimento da trégua.

“A Força Aérea da Federação da Rússia controla totalmente a situação em todo o território da Síria”, afirmou o chefe da direção operacional do Estado Maior Geral da Rússia, o tenente general Serguei Rudskói, destacando que Moscow cumpre plenamente suas obrigações no que diz respeito a cessar as hostilidades no país árabe.

No caso de incumprimento da trégua, a parte que seja atacada informará imediatamente sobre o fato à Rússia ou aos Estados Unidos. Após a confirmação de uma violação do cessar-fogo, Moscow ou Washington tomarão as medidas para reduzir a tensão, especificou o tenente general.

Os Estados Unidos planeja criar em Aman, na Jordânia, um centro de coordenação para a reconciliação das partes em conflito, similar ao estabelecido na base aérea russa Hemeimem na Síria, informou o chefe da direção operacional principal do Estado Maior.

O Ministério da Defesa da Rússia oferece uma conferência de imprensa para avaliar o início do cessar-fogo na Síria, que entrou em vigor em 27 de fevereiro às 00:00 (hora de Damasco).

Traduzido para publicação em dinamicaglobal.wordpress.com

Fonte: RT.com

VISITE A PÁGINA INICIAL | VOLTAR AO TOPO DA PÁGINA