Patente ‘US 6506148 B2’ Revela que o Televisor tem a Capacidade Técnica para Lavar o Cerebro.


Durante muito tempo se suspeita que a energia eletromagnética pode ser usada para fins nefastos, desde a utilização de armas até o controle mental. Uma patente dos Estados Unidos revela que o uso de pulsos eletromagnéticos nos televisores esta protegido pela propriedade inteletual. A patente, titulada “manipulação do sistema nervoso pelos campos eletromagnéticos dos monitores”, afirma que os televisores e monitores se podem programar para que “emitam campos eletromagnéticos por impulsos de amplitudes suficientes” para causar efeitos fisiológicos no sistema nervoso.

Para que fins se poderia utilizar este tipo de tecnologia?

“Necessitamos de um programa de psicocirurgia para o controle político de nossa sociedade. O propósito é o controle físico da mente. Tudo o que se desvia da norma dada pode ser mutilado cirurgicamente.

O individuo pode pensar que a realidade mais importante é a sua própria existência, mas isso é só o seu ponto de vista pessoal. Isso carece de perspetiva histórica. O homem não tem direito de desenvolver sua própria mente. Este tipo de orientação liberal tem um grande atrativo. Devemos controlar eletronicamente o cérebro. Algum dia os exércitos e generais serão controlados pela estimulação elétrica do cérebro.” – Dr. José Delgado. Diretor de Neuropsiquiatria, Registro do Congresso da Faculdade de Medicina da Umiversidade de Yale, Nº 26, vol. 118 24 de fevereiro de 1974. “Neurociência militar” – A manipulação de frequências cerebrais e campos de energía.

Psicotrônica é a intersecção entre a conciência, os campos de energia e a matéria. Num projeto de lei apresentado à Câmara de Representantes dos EUA em 2001, Dennis J. Kucinich descreve dispositivos psicotrônicos como “armas” que podem ser utilizadas contra individuos ou populações específicas para exercer poder sobre o comportamento e o estado de ânimo – essencialmente uma forma de controle mental.

A Rússia tem uma larga história de desenvolvimento desta classe de tecnologia, sendo o mais famoso o “pássaro carpinteiro”- “transmissor de tipo Tesla” que emitia sinais psicoativos na década de 1970 até finais dos anos oitenta.

Porém, a Rússia não é o único jogador neste jogo perigoso. Global Research informa:

“Aproveitamento da neurociencia para a capacidade militar, esta tecnologia é o resultado de décadas de investigação e experimentação, mais particularmente na União Soviética e nos Estados Unidos. (Welsh, 1997, 2000)

Não conseguimos compreender que o resultado da tecnologia que se originou nos anos da corrida armamentística entre a União Soviética e o Ocidente traduziu-se no uso da tecnologia de satélites não só para a vigilancia e os sistemas de comunicação, senão também para localizar e rastrear com radar os seres humanos, para manipular as frequências cerebrais dirigindo os feixes de láser, para o feixe de partículas neuronal, a radiação eletromagnética, as ondas sonoras, a radiação de radiofrequência (RFR), as ondas de solitons, os campos de torção e pelo uso destes ou outros campos de energia que formam as áreas de estudo da astrofísica.

Dado que as operações se caraterizam pelo segredo, parece inevitável “que os métodos que nós conhecemos, ou seja, a exploração da ionosfera, nosso escudo natural, já estão obsoletas, enquanto começamos a compreender as implicações de seu uso.

Num documentário da televisão alemã em 1998, o Dr. Igor Smirnov, do Instituto de Psico-Correção de Moscow, disse que é facilmente concebível que qualquer pessoa que tem os meios e as finanças adequadas poderia injetar-se a si mesmo em cada rede de computadores, radio ou televisão com relativa facilidade tecnológica. “É por isso que este tipo de tecnologia se teme, e com razão.”

Por enquanto, um bom número de pessoas que estão familiarizados com os efeitos da contaminação eletromagnética dos telefones celulares, televisores, eletrodomésticos, medidores inteligentes, ordenadores e wi-fi. Mas pode haver uma razão mais sinistra por que nosso sofrimento quando estamos expostos a estes dispositivos modernos? Várias patentes dos EUA sugerem uma resposta perturbadora.

Tecnologia oculta para o controle da mente.

De acordo com a Patente 6.506.148 dos Estados Unidos, apresentada em junho de 2001:

“Portanto, é possível manipular o sistema nervoso de um sujeito mediante um pulso em imagens visualizadas num monitor de computador ou aparelho de TV próximo. Nesse último caso, a pulsação da imagem pode ser incorporada no material do programa, ou pode ser sobreposta pela modulação de um fluxo de vídeo, quer como um sinal de RF, ou um sinal de vídeo”.

A invenção também pode ser adaptada à fonte de fluxo de vídeo, quer seja um programa de computador, um programa de televisão, uma fita de vídeo ou DVD. A variabilidade de pulsos pode ser influênciada através do uso de software com o fim de evitar a habituação do sistema nervoso. Os inventores concluem:

“Certos monitores podem emitir impulsos de campos eletromagnéticos que excitam uma ressonância sensorial num sujeito próximo, através de impulsos de imagem que são tão fracos que podem ser subliminares.

Isso é lamentável, já que abre um caminho para a aplicação maliciosa da invenção, a que as pessoas estão espostas sem saber, para a manipulação de seus sistemas nervosos para os propósitos de outra pessoa.

Tal aplicação seria pouco ética e, por suposto, não está abogado. Se menciona aqui com o fim de alertar ao público sobre a possibilidade de abuso encoberto que pode ocorrer enquanto permanece em linha, ou enquanto assiste a televisão, um vídeo ou um DVD”.

Além disso, as patentes de propriedade da Raytheon detalha como criar “explosões de tamanho nuclear sem radiação” e descreve pulsos eletromagnéticos, tecnologia de feixe de energia e sistemas de detecção além do horizonte. Uma destas patentes (US 7,629,918 B2) descreve o Sistema de Energia Dirigida (RFDE) Frequência de Rádio de múltiplas funções:

“Sistemas de Energia de Frequência de Rádio Dirigida (RFDE) são conhecidos na técnica por dirigir RF de alta potência, microondas e/ou a energia eletromagnética de onda milimétrica para destruir ou perturbar um objetivo. Embora os sistemas de RFDE normalmente sirvam como armas militares, sistemas RFDE não precisam ser limitados a sistemas de armas.

“Um sistema de armas RFDE pode ir atrás de um vasto leque de objetivos (eletrônico, biológico, ordenança, estruturas, etc.) devido à sua relativamente grande potência irradiada. Normalmente, o conhecimento a priori das características do destinatários escolhidos não é necessário porque a arma RFDE queima ou supera sua meta para a quantidade de energia irradiada”.

Uma inquietante possibilidade (entre muitas) com respeito a este tipo de armamento é a capacidade de utilizá-lo para causar efeitos negativos sobre os processos mentais e à saude humana. E não há nenhuma fuga ou proteção. Uma vez que um alvo é bloqueado, é impossível evadir a energia eletromagnética na tentativa de evitá-la.

Os resumos das 85 patentes adicionais relacionadas com as tecnologias de manipulação mental e emocional pode ser encontrada aqui.

Ao contemplar os avanços tecnológicos – e as implicações éticas – relacionadas com o controle mental, uma pergunta vem à mente: é possível que a elite governante já esteja usando estes tipos de tecnologias para nos controlar mentalmente?

Traduzido para publicação em dinamicaglobal.wordpress.com

Fonte: APOCALIPSIS Y ACTUALIDAD

Compartilhar com um amigo? Copie e cole link da página no whattsapp http://wp.me/p26CfT-3Wl

Acompanhe a série “Como será a vida no futuro: A Agenda Oculta da Nova Ordem Mundial” publicada todos os domingos em Dinâmica Global.

VISITE A PÁGINA INICIAL | VOLTAR AO TOPO DA PÁGINA