Entenda por que o brasileiro sabe pouco de política. A serviço da Nova Ordem Mundial: Maçonaria é quem dá as ordens.


No Brasil a maçonaria controla os partidos políticos, eleições, manifestações, golpes, Leis e medidas e, sobretudo, implanta a conta gotas, o socialismo como regime político. O direitismo levantado pelos partidos (PSDB, PMDB e os chamados cristãos) é o partido representante da elite da esquerda socialista Fabiana, e 80% de seus membros fazem parte da maçonaria. Outros são ateístas e controlados pelos agentes da Nova Ordem Mundial. Fernando Henrique Cardoso é membro do Clube de Bilderberg, do Clube de Roma, do The Elders e da maçonaria Illuminati, ele e membros do PSDB participam ativamente de reuniões secretas nas maçonarias com os agentes da Nova Ordem Mundial.

Todas as políticas adotadas no Brasil foram consequências de políticas determinadas pelas sociedades secretas que controlam o mundo. Muita gente acreditava que o partido esquerdista (PT) é o agente apoiador da ideologia de gênero, do Marco Civil na internet, do feminismo, do homossexualismo, da desmilitarização, do aborto, da pedofilia, da liberação de drogas, do AVAAZ, do desarmamento e do controle eleitoral e midiático e etc. Isso sem dúvida ocorre, mas quero lembrar que a Open Society, a fundação Ford e a Fundação Rockefeller financiam todas estas políticas e, portanto, ligadas a direitista brasileira.

Os direitistas reclamam a sua vez.

Eles empurraram na sociedade civil, goela abaixo, um regime de esquerda que jamais encontrou simpatia por parte do povo brasileiro, em sua totalidade conservador e religioso. Eles combateram o capitalismo, destruíram a democracia, exterminaram com as tradições históricas do país, reescreveram a própria história derrubando monumentos, mudando nome de ruas, pontes, viadutos, escolas, bairros e cidades. Indenizaram terroristas e guerrilheiros da esquerda revolucionária.

Foi a maçonaria de ambos os polos políticos e suas ONGs e fundações que disseminaram o marxismo cultural, as cotas raciais, o aborto, a desmilitarização, o desarmamento, a liberação de drogas, a legalização da prostituição, do homossexualismo, do casamento gay, a ideologia de gênero, o feminismo, o ateísmo, a destruição familiar, o controle do sistema eleitoral, o desarmamento da população, as políticas econômicas e sociais, o Marco Civil e o controle da mídia. Obra dos socialistas fabianos que adota o ateísmo partidário, são em sua maioria maçons e ateus.

A esquerda roubou? Sim roubou. Aparelhou o Estado e dilapidou bilhões de dólares dos cofres públicos. Sim, mas a esquerda brasileira amenizou as desigualdades sociais implantando as políticas de controle social e mesmo tendo seu próprio grupo e seus simpatizantes aloprados a esquerda na política brasileira se encaminhava para um caminho mais nacional indo contra os objetivos dos globalistas, daí os ataques midiáticos, os conchavos políticos e manipulação das massas para assim culminar no golpe político. Quando me refiro a elite algo tem que ser esclarecido não a elite de ricos, mas a ELITE Maçônica, a ELITE global. O representante esquerdista (Lula) recebeu títulos da maçonaria, mas não foi aceito pela sociedade secreta como membro. O petista barbudo foi escorraçado e ridicularizado pelos maçons (só serve enquanto executa as ações imposta pela maçonaria), pelo Clube de Roma e pelo Clube de Bilderberg. Isso explica porque a esquerda foi o alvo principal na maçônica Lava Jato e não TODOS os partidos envolvidos na roubalheira.

Juiz Moro, o herói nacional

No Brasil a única maneira de acabar com o socialismo e a corrupção é derrubando essa célula cancerígena e dando fim ao controle das sociedades secretas sobre os rumos políticos do país. Eles criaram o sistema para se protegerem, criaram as Leis e o Estado para se beneficiarem dele. Destruir esse sistema é por fim há anos de corrupção e controle social. A derrubada do governo e do sistema irá demitir todos os membros de sociedades secretas infiltrados na política e no serviço público. É preciso arrancar o mal das trincheiras e das sombras do Estado. Eles estão enraizados lá, presos e protegidos pelo sistema que criaram e, portanto, trocar uma peça do sistema não resolve os problemas principais do país. É preciso substituir toda a engrenagem corroída pelo mal, pelo autoritarismo e pela corrupção.

Ministro do STF Marco Aurélio.

Bolsonaro “convidado” pela maçonaria.

Diz-me com quem andas e direi quem és.

Aos que pedem intervenção militar.

O atual sistema político atenta CONTRA o ESTADO de DIREITO, estando à serviço dos interesses de suas confrarias e sociedades secretas e onde nada é pelo mérito, típico do ESTADO de DIREITO, mas sim, pelo tráfico de influência, lobbies e cartéis. O atual sistema atenta contra a democracia e contra a dignidade humana. Não haverá justiça no país, não haverá democracia, nem opções de escolha política e muito menos liberdade econômica e social enquanto este sistema estiver de pé e sob controle das sociedades secretas.

Portanto não adianta reclamar, ser militante, simpatizante, bancar o “eu não sabia” se ainda vivemos como miseráveis em um país tão rico e continuamos a colocar no poder os mesmos dos mesmos então o problema é conosco.

Fonte: profeinde.blogspot.com

Quer compartilhar com um amigo? Copie e cole link da página no whattsapp
https://wp.me/p26CfT-6Yk

VISITE A PÁGINA INICIAL | VOLTAR AO TOPO DA PÁGINA