Bulgária voltou atrás e sabotou o gasoduto South Stream, agora coloca a tubulação apressadamente para se conectar ao Turk Stream.


É o que acontece quando você coloca os interesses do Tio Sam antes do seu.

A Bulgária abriu uma nova seção circular de seu gasoduto de trânsito para a Turquia na sexta-feira, ampliando sua capacidade e acrescentando a possibilidade de fluxos de mão dupla, à medida em que o país balcânico licita transportar gás russo do oleoduto Turk Stream para a Europa.

O novo looping de 20 km no sudeste da Bulgária vai aumentar a capacidade do gasoduto Transbalkan para 15,7 bilhões de metros cúbicos (bcm) de gás por ano a partir de seus atuais 14 bcm, e ajudará a aumentar a segurança do fornecimento de gás, disseram autoridades.

    “Agora construímos um gasoduto que permitirá fluxos reversíveis, para que possamos obter gás da Turquia, do Azerbaijão e da Rússia”, disse o primeiro-ministro Boyko Borissov na cerimônia oficial, que também contou com a presença do ministro turco da Energia, Fatih Donmez.

A Bulgária também lançou um concurso para um gasoduto de 11 km para fornecer uma ligação de maior capacidade entre a nova seção de loop e a fronteira turca. O processo foi suspenso, no entanto, uma vez que uma empresa búlgara está a apelar às condições do concurso.

Atualmente, a Gazprom da Rússia envia cerca de 13 bcm de gás através da Ucrânia e da Bulgária para a Turquia. As remessas, no entanto, podem cessar no ano que vem, quando Moscow espera que a primeira linha do Turk Stream se torne operacional. A Turk Stream faz parte dos planos do Kremlin para contornar a Ucrânia, atualmente a principal rota de trânsito do gás russo para a Europa, e fortalecer sua posição no mercado europeu de gás.

Consiste em duas linhas com uma capacidade anual de 15,7 bcm cada, que serão transportadas sob o Mar Negro para a Turquia. A primeira linha, já concluída, será usada para consumo local.

A segunda linha está planejada para percorrer a Turquia até o sudeste e a Europa central.

A Bulgária disse que quer servir como um ponto de entrada para a Europa, mas a Rússia ainda não decidiu se o gasoduto enviará gás via Bulgária ou Grécia.

Sofia espera chegar a um acordo com Moscow, Ancara e Bruxelas para que parte do gás russo da Turk Stream possa ser transportado pela Bulgária para a Sérvia, Hungria e Áustria, enquanto parte dele possa ser comercializado em seu centro de gás planejado.

Traduzido para publicação em dinamicaglobal.wordpress.com

Fonte: Novinite

Quer compartilhar com um amigo? Copie e cole link da página no whattsapp
https://wp.me/p26CfT-6YB

VISITE A PÁGINA INICIAL | VOLTAR AO TOPO DA PÁGINA