Mentiras e enganos geram dinheiro. A ameaça fantástica contra o OTAN.


Os fabricantes de notícias ocidentais querem que acreditemos que a Rússia é uma ameaça. A Rússia não é uma ameaça. A NATO é a ameaça. Os políticos ocidentais são frentes de monopólios de saques públicos, de saques públicos, que geram um medo irracional de lucro. Fabricantes de armas são um excelente exemplo. Esses são os formuladores de políticas. Eles são aproveitadores de guerra.

Em 2016, o General Petr Pavel, Presidente do Comité Militar da OTAN, admitiu que,

    “Não é objetivo da OTAN criar uma barreira militar contra a agressão russa em larga escala, porque tal agressão não está na agenda e nenhuma avaliação de inteligência sugere tal coisa.”

Decodificado, a Rússia não era uma ameaça para o Ocidente.

Mais recentemente, o Secretário Geral da OTAN, Jens Stoltenberg, admitiu que,

    “Não vemos nenhuma ameaça iminente contra qualquer aliado da OTAN”.

Decodificado, a Rússia ainda não é uma ameaça.

Mas os aproveitadores da guerra se beneficiam dos preparativos para a guerra, dos contratos lucrativos do governo, do alarmismo e da demonização dos líderes estrangeiros, neste caso, o presidente Putin. Tudo isso é baseado em mentiras e enganos.

As mentiras e enganos geram muito dinheiro de contribuintes cada vez mais terceirizados. O orçamento militar dos EUA para 2018 é de impressionantes 700 bilhões de dólares.

Não é sobre empregos também. De acordo com um estudo dos EUA (“The Page That Counts”) traduzindo A Página Que Conta, um bilhão de dólares gasto nas forças armadas rende 8.555 empregos, enquanto a mesma quantia gasta em assistência médica rende 10.770 empregos, a mesma quantia na educação rende 17.687 empregos, e a mesma quantia em trânsito de massa produz 19.795 empregos.

O Complexo Industrial Militar é uma marca registrada do capitalismo monopolista “neoliberal” financiado publicamente. Socialismo para os ricos, morte e/ou pobreza para todos os outros.

As classes oligárquicas precisam nos propagar, a não ser que o sistema bi-partidário, tóxico, não angarie o consentimento público. Portanto, os fabricantes de notícias monopolistas têm tudo a ver com espalhar narrativas falsas para gerar medo, ódio, guerra e preparativos de guerra.


Autor: Mark Taliano

Traduzido para publicação em dinamicaglobal.wordpress.com

Fonte: Global Research.ca

Quer compartilhar com um amigo? Copie e cole link da página no whattsapp
https://wp.me/p26CfT-6Yq

VISITE A PÁGINA INICIAL | VOLTAR AO TOPO DA PÁGINA