China e Rússia temem ataque nuclear insano dos EUA. Está o Armageddon a surgir sobre o horizonte?


A indiferença do mundo ocidental é extraordinária. Não são apenas os americanos que se deixam lavar o cérebro pela CNN, a MSNBC, a NPR, o New York Times e o Washington Post, mas também os seus homólogos na Europa, Canadá, Austrália e Japão, que confiam na máquina de propaganda de guerra que se apresenta como uma mídia. http://www.bbc.com/news/world-us-canada-39573526

Os “líderes” ocidentais, ou seja, os fantoches no final das cordas, puxados pelos poderosos grupos de interesses privados e pelo Estado Profundo, são igualmente desmanzelados. Trump e seus homólogos no Império Americano não devem estar conscientes de que estão provocando a guerra com a Rússia e a China, ou então são psicopatas.

Um novo tolo da Casa Branca foi substituido pelo velho idiota. O novo idiota enviou seu Secretário de Estado para a Rússia. Para quê? Para entregar um ultimato? Fazer mais acusações falsas? Para pedir desculpas pelas mentiras?

Considere a audácia do Secretário de Estado Tillerson. Ele passou uma semana antes de sua visita a Moscow apoiando mentiras incríveis e falsas alegações de que Assad da Síria usou armas químicas com a permissão da Rússia, o que justificou o crime de guerra unambigioso de Washington de um ataque militar contra um país com o qual os EUA não declararam guerra. Menos de 100 dias no escritório, e Trump já é um criminoso de guerra juntamente com o resto do seu governo belicista.

O mundo inteiro sabe disso, mas ninguém diz. Em vez disso, Tillerson, que tem sido pesado com mentiras e ameaças tem a confiança para ir a Moscow para dizer aos russos que eles têm de entregar Assad para o Uni-Poder americano.

A missão de Tillerson demonstra a completa e total irrealidade do mundo em que Washington vive. Tente imaginar a arrogância de Tillerson. Se você estivesse falando mal e ameaçando pessoas fortes e importantes, você se sentiria confortável em ir até sua casa para jantar com eles? Será que Tillerson pensa que agora que a Rússia libertou em grande parte a Síria do Estado Islâmico que é apoiado pelos EUA, a Rússia vai dar de volta a Síria para Washington?

Ele vai dizer a Lavrov que ele realmente não queria dizer todas aquelas mentiras desagradáveis ​​que ele contou sobre a Rússia, mas os neoconservadores sionistas o fizeram fazer isso? Que ele não está realmente no comando, que é apenas uma ferramenta do Império Anglo-sionista?

Será que Tillerson vai pedir desculpas pela declaração de Sean Spicer, secretário de imprensa da Casa Branca, de que Assad, aliado da Rússia, é mais malvado do que Hitler? http://www.bbc.com/news/world-us-canada-39573063

Talvez Tillerson tenha ido pedir asilo e ingressar no lado vencedor.

Stephen Cohen, um dos poucos americanos remanescentes conhecedores da Rússia, disse aos dois jornalistas da CNN e ao belicista Coronel Leighton, um dos “especialistas” que a mídia ‘presstituta’ lança para pronunciar a propaganda contra a Rússia, que a Rússia estava se preparando para a guerra quente. Parece ter ido sobre a cabeça dos presstitutos da CNN e do coronel. De quem é a folha de pagamento? http://www.informationclearinghouse.info/46838.htm

Os líderes russos, que, ao contrário dos mentirosos ocidentais, falam a verdade, disseram claramente que a Rússia nunca mais lutará uma guerra em seu próprio território. Os russos não poderiam dizer mais claramente. Provoque uma guerra e vamos destruí-lo em seu próprio território.

Quando você vê o presidente e o governo em Washington, os governos europeus, especialmente os idiotas em Londres, os governos canadense e australiano, você só pode se maravilhar com a estupidez total da “liderança ocidental”. Eles estão implorando pelo fim do mundo.

E os jornalistas estão no trabalho dirigindo para o fim da vida. Um grande número de povos ocidentais está sendo preparado para a sua morte, e eles estão protegidos da realização por sua indiferença.

Washington é tão arrogante e perdido em sua própria arrogância, que Washington não entende que os anos de mentiras claras como o cristal sobre a Rússia e as intenções e ações russas convenceram a Rússia que Washington está preparando as populações dos Estados Unidos e os povos cativos de Washington no Ocidente, na Europa Oriental, Canadá, Austrália e Japão para um ataque nuclear preventivo dos EUA contra a Rússia. Os planos de guerra dos EUA publicados contra a China convenceram a China do mesmo.

Leia também: As três maiores potências militares da Terra: Como comparar as forças armadas de americanos, russos e chineses?

Se não para a guerra, o que mais é a mudança na doutrina de guerra dos EUA? George W. Bush abandonou o papel estabilizador das armas nucleares, transferindo-as de uma função de retaliação para um primeiro ataque nuclear. Então retirou-se do tratado anti-míssil balístico concluído pelo presidente Richard Nixon. Agora temos postos de mísseis dos EUA posicionados nas fronteiras da Rússia. Nós dizemos aos russos a mentira de que os mísseis são para impedir um ataque ICBM nuclear iraniano contra a Europa. Essa mentira é contada e aceita pelos fantoches na Europa, apesar do fato conhecido e incontestável de que o Irã não tem armas nucleares nem ICBMs. Mas os russos não aceitam isso. Eles sabem que é outra mentira de Washington.

Quando a Rússia ouve essas flagrantes, indecorosas e óbvias mentiras, a Rússia entende que Washington pretende um ataque nuclear preventivo contra a Rússia.

A China chegou à mesma conclusão.

Estariam os EUA a cutucar a Terceira Guerra (WW3)?

Então, aqui está a situação. Dois países com forças nucleares esperam que os loucos insanos que governam o Ocidente vão atacá-los com armas nucleares. O que a Rússia e a China estão fazendo? Estão implorando por misericórdia? Eles estão se preparando para destruir o mal Ocidente, uma coleção de mentirosos e criminosos de guerra, os quais o mundo nunca experimentou anteriormente. Isso é os EUA, a piada lavada de um “uni-poder” que depois de 16 anos é ainda incapaz de derrotar alguns milhares de Talibãns levemente armados no Afeganistão, que precisa pedir misericórdia. A imprudente e irresponsável conversa de guerra no governo dos EUA e na imprensa e entre os vassalos da OTAN e Washington deve parar imediatamente. A vida está no equilíbrio. Putin mostrou incrível paciência com as mentiras e provocações de Washington, mas ele não pode arriscar a Rússia confiando em Washington, a quem ninguém pode confiar. Não o povo americano, nem o povo russo, nem qualquer povo. Ao saltar sobre o vagão de propaganda do Estado Profundo, a liberal/progressista/esquerda é cúmplice na marcha em direção ao Armagedom.¹

Especialists garantem que apenas 5 dos mísseis Satan da Rússia podem erradicar a costa leste dos EUA e extinguir 4 milhões de pessoas!

Especialistas da indústria alertam que se a Rússia soltasse apenas 5 de seus mísseis SS-18, conhecidos como Satan, poderia erradicar a costa leste dos EUA e destruir mais de 4 milhões de pessoas. A Rússia deve ter 55 Satans, seu míssil mais impressionante, parte do maior arsenal nuclear do mundo que poderia fazer as bombas nucleares que caíram durante a Segunda Guerra Mundial no Japão soft em comparação.

Apenas um míssil SS-18, em um ataque nuclear apocalíptico, aniquilaria 75% de Nova Iorque por milhares de anos, alerta o Dr. Paul Craig Roberts, ex-secretário-assistente do Tesouro para Política Econômica. Ele ressalta que os mísseis SS-18 carregariam ogivas nucleares com cargas de até 20.000 quilotons, informa a Dailystar.

É mil vezes mais potente do que a bomba lançada em Nagasaki.

Roberts afirma em carga máxima, um golpe direto em Nova Iorque é capaz de extinguir 4,5 milhões de pessoas, ferindo outros 3,6 milhões e enviar precipitação radioativa cobrindo mais de 600 milhas. Também pode ser armado com 10 pequenas armas nucleares de 550 quilotons cada, que podem dispersar em uma ampla área e praticamente impossível de interceptar.

Roberts, em um relatório para o Centro de Pesquisa sobre Globalização, advertiu que a Rússia poderia facilmente aniquilar a OTAN e levar ao colapso total a aliança ocidental.

De acordo com as previsões da FEMA da Guerra Fria, os alvos de um ataque nuclear russo podem incluir cidades com grandes populações como Nova Iorque, Filadélfia, Miami, Boston, Jacksonville e Washington DC. ²

Leia também: Equilíbrio de poder: Rússia vai mover máquinas de guerra para o coração da Europa em meio às tensões com a OTAN.


Leia também: Perigo iminente: As armas “super-fuze” de hoje, super-poderoso armamento termonuclear apontado para a Rússia. “Como é que isto vai acabar?” (Putin).


Autor: Paul Craig Roberts

Traduzido para publicação em dinamicaglobal.wordpress.com

Fonte: ¹ Katehon.com , ² Fusion Lace Dillusions.com

Quer compartilhar com um amigo? Copie e cole link da página no whattsapp
http://wp.me/p26CfT-4N3

VISITE A PÁGINA INICIAL | VOLTAR AO TOPO DA PÁGINA