Na contramão da liberdade: Presidente da América agora ataca diretamente às famílias americanas.


Evidentemente racista e opressor o regime que governa os EUA tem um Obama, Nobel da Paz, muito prestativo quando o assunto é a perda da liberdade e agora a desconstrução da família.

Em 26 de junho de 2015, a Suprema Corte dos Estados Unidos decidiu impor como uma desnaturalização do direito constitucional do casamento, por 5 votos contra 4, abrindo esse reconhecimento social para duplas de mesmo sexo.

É um grande passo para os defensores da cultura da morte virem, porque significa que mais nenhum Estado norte-americano pode agora negar ‘casamento’ do mesmo sexo.

Significa também que os Estados que antes proibiram tal distorção estão agora obrigados a alterar a sua legislação.

politics-droneLeia também: Obama autoriza ataque de drones aos próprios cidadãos americanos.

O Presidente Barack Obama imediatamente manifestou sua grande satisfação, enquanto seu vice-presidente Joe Biden, exclamou: “nós não poderíamos estar mais orgulhosos! Que vergonha!


Leia também: A democracia não existe.

Os Bispos americanos reagiram firmemente recordando que “a lei tem o dever de apoiar o direito fundamental de toda criança a ser levantada, se possível, por sua mãe casado e pai em um lar estável. Jesus Cristo, com amor, ensinou claramente que o casamento é uma união ao longo da vida de um homem e uma mulher.” 1

[NT]
O que está em questão aqui não é a liberdade de escolha, [em tese todos são livres, pelo menos deveria ser assim] mas o que tem motivado tanto e tanto os governos ocidentais, cada vez mais invasivos e na contramão da liberdade, a instaurar uma Ditadura Homoafetiva.

“Aquele que confia no seu governo sobre o que é melhor para as pessoas, já está em coma esperando o trator passar por cima.”

Não existe debate sobre isso, apenas imposição. É algo sério para se pensar.

Conheça os Dez Mandamentos da Grande Mídia à serviço dos governos europeus e americanos:

1. Se você fizer questionamentos à versão oficial, você será revisionista.
2. Se você denunciar os complôs, você vai ser conspiracionista.
3. Se você fizer crítica às minorias, você vai ser racista.
4. Se você escolher amar e proteger sua nação, você vai ser fascista.
5. Se você defender o Cristianismo, você vai ser fundamentalista.
6. Se você ofender a depravação dos costumes, você vai ser homofóbico e xenofóbico.
7. Se você fizer oposição a guerras imperialistas, você será acusado de apoiar ditaduras e terrorismo
8. Se você posicionar-se contra a globalização, o fim das fronteiras e a imigração em massa, você vai ser racista e egoísta.
9. Se você tentar mudar o paradigma atual, você vai ser delirante.
10. Se você disser a verdade, você vai ser um desperdício da sociedade.

Autor: Xavier Celtillos

Traduzido para publicação em dinamicaglobal.wordpress.com

[1] Do texto original em francês medias-presse [NT] Nota do tradutor.

Leia também: Plano Maçonico de miscigenação para eliminar a resistência e fraturar a sociedade.